Requerimento Seguro Desemprego — Empregador Web → CONFIRA

Requerimento seguro desemprego → O País vem enfrentando uma fase em que a taxa de desemprego ultrapassou os anos anteriores, muitos trabalhadores estão sendo atingidos por essa época de crise financeira, onde acabam sendo atingidos pelo desemprego.

Esses trabalhadores após serem dispensados dos seus empregos, contam com o benefício do governo sendo relativo ao tempo de serviço. O seguro desemprego tem como objetivo de garantir assistência temporária a essas pessoas que ficam sem vinculo empregatício.

Para muitos o acesso ao seguro é pela primeira vez e ainda não sabem como funciona todo o procedimento para obter o benefício e nem como fazer o requerimento do seguro desemprego. Separamos a seguir informações necessárias para conseguir contar com o benefício. Confira Agora!

Para que serve o requerimento seguro desemprego?

Requerimento Seguro DesempregoO benefício do seguro desemprego é muito importantes para os trabalhadores brasileiros, pois oferece um auxílio em dinheiro por um período determinado, sendo pago através de parcelas de forma contínua ou alternada para todos aqueles que tem direito.

O requerimento seguro desemprego nada mais é do que o um documento emitido pelo empregador com informações do período trabalhado pelo seu respectivo empregado. Esse requerimento serve para que o beneficiário possa dar entrada no seguro.

Conteúdo imperdível:

Confira nos tópicos a seguir se você se encaixa nos termos necessários para ter direito ao beneficio e veja todos os procedimentos para realizar seu requerimento do seguro desemprego.

Quem pode emitir o requerimento seguro desemprego?

Requerimento Seguro DesempregoPor muitas mudanças que vem se passando, alguns trabalhadores ainda ficam em dúvidas a respeito do direito de requerer o seguro desemprego, pois agora ficou mais fácil com o empregador comunicando ao MTE através da internet a dispensa do trabalhador.

Podem realizar o requerimento do seguro desemprego aqueles trabalhadores que seguem os critérios exigidos pelo Ministério do Trabalho e Emprego, que você confere a seguir:


01 – Tiver sido dispensado sem justa causa;


02 – Estiver desempregado, quando do requerimento do benefício;


03 – Tiver recebido salários consecutivos, de pessoa jurídica ou de pessoa física a ela equiparada, pelo menos 12 meses nos últimos 18 meses imediatamente anteriores à data de dispensa, quando da primeira solicitação;


04 – Tiver sido empregado de pessoa jurídica, de pessoa jurídica ou de pessoa física , pelo menos 9 meses nos últimos 12 meses imediatamente anteriores à data de dispensa, quando da segunda solicitação;


05 – Tiver sido empregado de pessoa jurídica de ou de pessoa física , cada um dos 6 meses imediatamente anteriores à data de dispensa, quando das demais solicitações;


06 – Não estiver recebendo qualquer benefício previdenciário de prestação continuada;


07 – Não estar em gozo do auxílio-desemprego;


08 – Não possuir renda própria de qualquer natureza suficiente à sua manutenção e de sua família.


Lembrando que aquele trabalhador que estiver recebendo o benefício do seguro desemprego, não poderá receber outra remuneração com vinculo empregatício formal ou informal.

Como fazer o requerimento seguro desemprego – Empregador WEB

Com essas mudanças ocorridas na lei no ano de 2015, facilitou bastante tanto a vida do empregador como a do trabalhador, sendo feito o requerimento do seguro desemprego através de um aplicativo chamado de Empregador Web.

Requerimento Seguro Desemprego

  • Acesse o site www.mte.gov.br;
  • Escolha umas opções de acesso oferecidas;
  • Entre no portal;
  • Preencha todos os dados do empregado;
  • Faça a emissão do requerimento.

É bastante fácil realizar esse processo, o trabalhador dispensado sem justa causa receberá do empregador Web o requerimento seguro desemprego devidamente preenchido, onde o próximo passe é realizar o agendamento para comparecer ao posto de atendimento do Ministério do Trabalho na data marcada.

Duas vias desse formulário devem ser levadas ao posto de atendimento do Ministério do Trabalho e Emprego em que você agendou, outros documentos são obrigatórios, como:

  • Documento de identificação com foto;
  • CPF (Cadastro de Pessoa Física);
  • Carteira de Trabalho (CTPS);
  • Requerimento, impresso no portal Empregador Web;
  • Documentos comprobatórios do depósito do FGTS;
  • Termo de Rescisão do Contrato de Trabalho.

No dia do atendimento você ficará ciente do valor e quantas parcelas você terá direito a receber.


  • Conclusão

Diante dessas informações disponíveis a você através do artigo, você terá o que é preciso para receber seu beneficio e sanar todas as dúvidas referentes ao requerimento seguro desemprego.

É importante que você use esse dinheiro com sabedoria, pois como vimos no texto é temporário até conseguir um novo emprego, então tente conter os gastos para sobrar uma reserva para se manter nesse período.

Se restou alguma dúvida referente as informações contidas no artigo, deixe-a nos comentários e assim que possível iremos te dar um retorno. Boa Sorte!

Deixe um Comentário