Você deve contar calorias?

Você sabia que um prato bem bonito de salada, com cenoura, tomate…E uma lata de refrigerante, podem ter uma quantidade de calorias bem parecidas? Pois é! Por isso no artigo de hoje quero falar um pouco sobre essa coisa de ficar contando calorias. Será que vale a pena? E como é que faz para saber quantas calorias podemos comer por dia? Vamos por partes.

Estou aqui para simplificar! Mas preciso começar revelando algo bem polêmico. Nunca acreditei na contagem de calorias. Calma, eu explico. Não quero desmerecer o método, mas, voltando ao exemplo que eu dei, da salada em comparação ao refrigerante, você já deve ter entendido meu ponto, certo? O que quero dizer é que a quantidade calórica diz muito pouco sobre a qualidade do que você está comendo.

Aí você me pergunta: “Mas Dra para emagrecer não preciso cortar calorias?”. Eu te respondo: não necessariamente! Hoje, sabemos que não basta consumir alimentos com baixo valor calórico para manter o peso e a saúde. Mas esse apego às calorias é até compreensível: por anos e anos, a cultura das dietas nos fez acreditar que a informação mais importante sobre um alimento era seu valor calórico. Então passamos décadas comparando somente este fator.

Ou seja: é normal que as pessoas queiram ter um parâmetro sobre quantas calorias comer por dia. Muitas vezes ouvimos que o “certo”são 2 mil calorias diárias para as mulheres, e 2 mil e 500 para os homens. Isso pode até servir como um critério em termos de quantidade. Mas é uma informação mais importante para o seu nutricionista do que para você!

E outra: de que adianta seguir à risca este número, se você não tem uma alimentação de qualidade? Pior ainda: de que adianta você chegar ao fim do dia cumprindo essa meta, mas ter uma péssima relação com a comida? Comer com culpa, se sentindo frustrado, ou comer de forma compulsiva. Já parou para pensar nisso?

Se você pensa em emagrecer com saúde, então tem que levar tudo isso em consideração. Então, vou te dar 3 motivos para parar de contar calorias. E te mostrar uma forma mais tranquila de administrar a sua alimentação diária, com prazer e sem estresse!

Contar calorias é chato

Nós já temos tantas preocupações no dia a dia… e além disso estamos sobrecarregados de informação sobre comida. Já parou para pensar que ficar contando as calorias de cada coisa que você come é uma preocupação a mais na sua vida? Que tal deixar um pouco de lado essas contas todas e focar em coisas mais relevantes: Prestar atenção ao sabor dos alimentos…Mastigar devagar…Comer com atenção plena e fazer das suas refeições um momentos prazeroso. Vamos tentar?

Contar calorias não é efetivo

Quando eu digo que contar calorias não funciona, me refiro ao longo prazo: é óbvio que se você fizer uma dieta super restritiva e diminuir a quantidade de calorias que consome por dia, vai emagrecer. Mas é o que eu sempre digo: não será um emagrecimento saudável, porque você não vai conseguir sustentar por muito tempo.

Então o que funciona? O que funciona é comer com qualidade! Comer melhor, não menos! Felizmente, a nutrição evoluiu muito nos últimos anos! E hoje sabemos que mais do que contar calorias, é preciso valorizar a qualidade do que estamos comendo. O próprio Guia Alimentar para a População Brasileira, que é uma grande referência na área da alimentação, não fala em calorias.

Ele fala em consumir comida caseira, priorizar os alimentos in natura e diminuir o consumo dos ultra processados. Claro que você pode respeitar suas vontades, e comer as coisas que gosta, mas tudo dentro do bom senso e da moderação. De novo: qualidade importa mais do que quantidade! Se estiver com vontade de bolo, por que não comer um bolo caseiro, ao invés de um industrializado?

Tudo que é feito em casa é melhor, porque você consegue ter uma noção maior sobre a quantidade de sal, açúcar e gordura das preparações. E também poderá usar ingredientes de qualidade. Então, aí vai uma dica: ao invés de perder tempo contando calorias, dedique algumas horas da sua semana se aproximando da cozinha, preparando refeições simples e gostosas, indo mais à feira e fazendo as pazes com a comida!

Acredite: se você fizer as refeições principais com qualidade e variedade, com certeza vai ter uma ingestão calórica mais moderada. Com certeza sua fome vai diminuir e você vai sentir menos necessidade de cometer grandes exageros. E aí não vai ficar precisando contar calorias!

Contar calorias pode gerar um comer transtornado

Finalmente, vamos ao motivo 3! Quando você fica pensando muito no valor calórico dos alimentos, eles viram seus inimigos. Logo, um bolo de chocolate é vilão, enquanto que uma maçã é boazinha. Não é assim que enxergamos? Esse raciocínio vem das crenças e mitos que passamos a vida toda ouvindo, de que alguns alimentos fazem bem para a saúde; outros fazem mal.

Que alguns engordam, enquanto outros emagrecem. Por isso que contar calorias não ajuda em nada: você acaba reduzindo os alimentos a simples números. E eles são muito mais do que isso! Os alimentos conversam com nossos genes de formas diferentes, por isso temos que pensar mais na qualidade do que no valor calórico.

E fora que se você ficar obcecado com calorias, muitas vezes deixa de lado os próprios gostos e vontades. E isso não é saudável! Nem para o seu corpo
nem para sua mente. Então, que tal se perguntar, por exemplo: Comer não precisa ser algo monótono e repetitivo, como uma lista de regras a serem seguidas. É importante fazer esse tipo de reflexão para estabelecer uma relação saudável com a comida e não ter que sofrer mais fazendo tanta conta.

Comer não serve só para nos nutrir, mas também para nos dar prazer! A partir do momento que você começa a comer melhor, e com mais consciência, passa a comer menos. E aí o que acontece? Não precisa mais contar calorias! Então é isso: contar calorias está fora de moda! Na dúvida sobre o que comer, tente incluir mais arroz, feijão, carnes de todos os tipos, frutas, legumes e verduras variadas, queijos, castanha e cozinhe sempre
que possível.

Quando passar a consumir mais comida de verdade, automaticamente vai comer menos industrializados. E não vai ter tanto rótulo para analisar! Ouça mais o seu corpo, suas vontades, e coma sem se preocupar tanto! O corpo agradece, e a mente também! Bon appéttit e até a próxima!

Você também pode se interessar por: https://www.macho.com.br/melhor-termogenico/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *